terça-feira, 4 de janeiro de 2011

Saudade




Sinto saudade
daquele tempo que passou
que você tinha vontade
de ficar comigo e dizia que em mim pensou


Sinto saudade e lembro-me da sua partida
você fazia-me rir por besteiras
e fazia da vida
uma eterna brincadeira


Sinto saudade daqueles bons momentos
que fizeram-me ver que te amava
e que ainda está comigo em meus pensamentos


Hoje, só resta-me saudade
de um amor que queimava
no coração de quem foi feliz de verdade.

2 comentários:

  1. "Escrevo porque amo. É meu grito de socorro, ou escrevo, ou morro!"


    ah me sinto assim também eu amo poesia

    muito lindo seu blog parabéns

    se quiser visitar o meu também

    http://kallytacristina.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. OOOOI Xara!!!!!
    Obg pela vizita! Seguindo!

    ResponderExcluir